Plantas na prova final de Língua Portuguesa

Pormenor na prova final LP 4º ano de 2013

Uma curiosidade da prova final que o ministério da educação e ciência escolheu para os alunos do 4º ano em Língua Portuguesa é a presença (importante) de plantas.
O segundo texto é um trecho de «A Sereiazinha», de Hans Christian Andersen.
Logo no primeiro parágrafo, a água do mar alto é comparada com «as pétalas da mais bela centáurea». E no segundo parágrafo dá-se relevo à descrição do mundo vegetal submarino:
«(…) crescem aí as mais maravilhosas árvores e plantas, com caules e folhas tão frágeis e sensíveis que ondulam com o mais leve movimento das águas, como criaturas animadas de vida.»
No quarto parágrafo, a mais jovem princesa é referenciada como tendo a pele «como uma pétala de rosa».
E o quinto parágrafo descreve o jardim «com árvores vermelhas como o fogo e azuis como o mar»… Ali, cada princesa fez um canteiro, sendo de destacar o da mais nova, que era em forma de sol «e as únicas flores que lá plantou eram como belos sóis, com o mesmo brilho e a mesma cor»…
Para o sexto parágrafo, ficou a estátua de Rapazinho de mármore. Ao lado, a jovem princesa «plantou uma roseira que parecia um salgueiro-chorão, a qual cresceu rapidamente, até que os seus ramos se curvaram sobre a figura de pedra, tocando na areia azul do fundo»…
Foi, portanto, uma seleção muito vegetal, esta a que os nossos alunos do 4º ano leram na prova final. Na realidade e no sonho, as plantas fazem parte da nossa vida.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s


%d bloggers like this: