A maçã podre do Sporting

A recente boca do presidente do Sporting, classificando João Moutinho como uma maçã podre, tem vindo a desencadear diversas críticas nos adeptos leoninos e na imprensa em geral.

Destaco a que o jornal A Bola publicou no passado dia 11, da autoria de Zé Diogo Quintela, de que cito alguns excertos:
“Vou dar de barato que Moutinho é tudo aquilo que José Eduardo Bettencourt diz que ele é. (…) Isso levanta a primeira questão: ou ficou assim de repente e, em vez de vendido, devia ter  sido internado no Júlio de Matos(…); ou ou já era assim há muito tempo e a estrutura profissional do futebol do Sporting andou a entregar a braçadeira de capitão a alguém que não pode ser um representante do emblema.

(…) Esta incompetência é uma espécie de racismo hortícola, na medida em que são nabos que desprezam fruta. Mas que apreciam leguminosas, porque a venderam por um prato de lentilhas.

E lá trocámos maçã podre por massa podre.

(…) Venâncio, Carlos Xavier, Cadete, Oceano, Barbosa, Beto, Iordanov e Sá Pinto, uns que saíram a mal, outros pouco acarinhados. Tudo fruta podre? Ou compramos uma arca frigorífica nova para conservar melhor, ou trocamos os gerentes do pomar.”

As plantas no futebol, com o requinte verbal de um bom humorista.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s


%d bloggers like this: