A folha seca de David Mourão-Ferreira

Passaram pelo meu nome e eu era um número,

– menos que a folha seca de um herbário.

Colheram-me com mãos de zelo e gelo;

Escreveram-no sem mágoa, num postal.

             David Mourão-Ferreira, Aviso de Mobilização, in Tempestade de Verão (1954)

David Mourão-Ferreira foi um escritor português de nomeada. Nasceu em 1927 e faleceu em 1996.

Estive com ele em Faro, por ocasião de uma conferência que fez no Convento de Nossa Senhora da Assunção.

Dotado de grande sensibilidade e sabendo manter as distâncias, fazia do quotidiano um ribeiro de ideias musicadas.

Releia a quadra e detenha-se nos significados potenciados de cada verbo e cada nome…

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s


%d bloggers like this: