O marmelo

marmelo-fruto-valioso

“Sejam os teus seios para mim como cachos de uva e a fragrância do teu hálito como a dos marmelos(…)”- lê-se na Bíblia (in Cântico-7,9)

Afrodite, deusa grega do amor, era representada com um marmelo na mão direita.

E assim começamos a ter algumas pistas para entendermos melhor o valor do marmelo, um fruto originário do Cáucaso e do Irão, com textura aveludada e um odor muito agradável.

No Afeganistão, é usado para combater a pneumonia e de facto diz-se ter capacidades curativas para enfermidades dos pulmões e da garganta.

Nos Balcãs, tem fama como minimizador de desconfortos intestinais.

Tem vitamina C, potássio, pectina e ácido málico. Para o nosso corpo, tem efeito adstringente, antidiarreico, antiespasmódico, antisséptico, calmante e nutriente… e ajuda a eliminar o ácido úrico.

Resta dizer que o marmelo é o fruto do marmeleiro (uma árvore da família das rosáceas) e colhe-se de Outubro a Fevereiro. Você ainda tem por isso muito tempo para comprar uns marmelos,  cortá-los em quartos, pôr a cozer em água e comer ainda quentes, polvilhados com açúcar. Experimente.

Advertisements

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s


%d bloggers like this: